... (várias linhas de código de programação personalizado aparecem aqui)
Dicas

5 Filmes de Moda para Assistir

Se você gosta de moda e quer conhecer um pouco mais sobre esse assunto, existem muitas produções que podem te ajudar! Desde a entender o funcionamento de uma revista até a importância do consumo consciente. Prepara a pipoca e vem ver nossas sugestões:


O documentário The September Issue mostra todo o processo de produção da revista Vogue norte americana para essa tão importante edição em 2007. Nele é possível ver todo o trabalho de Anna Wintour e sua equipe em busca dos melhores editorias, matérias mais elaboradas, melhores anunciantes e tudo de mais completo para a revista.
Uma dica: prestem atenção em Grace Coddington, diretora de criação da Vogue. A maioria das coisas que ela fala são inspiradoras e é interessante ver a sua relação com a Anna Wintour.

A produção mostra o lado cruel da moda e é, de verdade, um soco no estômago. Em The True Cost, como diz o nome, a gente vê o verdeiro custo das peças que consumimos, o que está por trás da produção de cada uma delas e o que o nosso dinheiro paga de verdade.
Além de mostrar o sistema escravista em que as roupas são produzidas, o documentário nos convida a refletir bastante sobre consumismo, sistema de produção consciente e maneira como lidamos com a moda.
-Disponível na Netflix

Já perceberam que as edições das revistas são mais gordinhas em setembro que em outros meses? Pois é, isso acontece porque o mês é de suma importância para a moda, já que lá fora, especificamente no hemisfério norte, o período marca um novo ciclo para o segmento, como se fosse o ano novo. É em setembro que se iniciam os desfiles que antecipam todas as tendências para o ano que vem!


Você conhece Iris Apfel? Com 93 anos, ela é a senhora mais estilosa que já vimos na vida e um ícone fashion para muita gente, independentemente da idade. O documentário mostra a sua rotina e dá lições valiosas sobre estilo, vida e comportamento. As cenas são feitas em seu apartamento em Nova York, tão colorido e excêntrico quanto os seus looks, e nos lugares que frequenta na cidade.
O mais encantador, além do seu closet recheado, é ver como ela fala sobre moda e sobre a vida em geral, mostrando que força, personalidade e vontade vai muito além de um número no RG.
-Disponível na Netflix

O filme mostra um recorte da vida de Coco Chanel nos anos 20, antes de ser, de fato, Coco Chanel. Na produção você vê a vida da menina orfã, interpretada por Audrey Tautou, e de origem humilde que dividia os seus dias entre a costura e as apresentações de música em cabarés à noite.
Vamos conhecer seus romances, como se tornou a figura importante e imponente no mundo da moda e como quebrou padrões de silhuetas para as mulheres da época. Apesar de o filme ter alguns furos, como não mostrar o envolvimento da estilista com nazistas, é um boa produção para entender um pouco de sua história.

Por fim, Saint Laurent, que conta um lado pouco conhecido do estilista da metade da década de 60 a metade da década de 70. Apesar de, neste momento, ele estar no auge da sua criatividade, veremos também o seu envolvimento e abuso de álcool e drogas.
É um lado meio anti herói do estilista, sabe? Com cenas polêmicas, como de orgias, o filme é uma biografia não autorizada de Saint Laurent que mostra o lado frágil por trás do grande nome.
-Disponível no Youtube

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

cinco × cinco =

... (várias linhas de código de programação personalizado aparecem aqui)